Siga-nos
Faith

Especial

Após classificação da Vikings, Faith elogia semifinalistas, mas mostra confiança: “Sabemos que temos potencial para ganhar esse Masters”

O time enfrentará a paiN Gaming na semifinal do VALORANT Masters Brasil

Bruno Alvares / Riot Games

Após classificação da Vikings, Faith elogia semifinalistas, mas mostra confiança: “Sabemos que temos potencial para ganhar esse Masters”

A Team Vikings (VKS) garantiu a vaga na semifinal do VALORANT Masters Brasil na noite de domingo (14) após derrotar a Sharks de virada. Em entrevista coletiva pós-jogo, Anderson “faithz0r” Yabusaki falou sobre o confronto e as chances da equipe em busca do título do torneio.

+ Após derrota, streamer escuta companheiro de time desejando que sofresse agressão sexual
+ “Pessoalmente, CS estava ficando realmente velho”, afirma Ethan sobre ida para o VALORANT

Apesar da vitória, a VKS iniciou as quartas de final de maneira apática e foi dominada pela Sharks no primeiro mapa (Haven) da MD3. De acordo com faith, a equipe não sentiu a falta de ritmo de jogo e elogiou o trabalhou do adversário.

Tivemos um começo meio devagar por mérito da Sharks, que souber fazer um anti tático na gente. Estávamos muito confiantes na nossa Haven, mas eles colocaram um bom ritmo, emplacando bem e não conseguimos segurar. Foi totalmente mérito deles.

A VKS deu a volta por cima nos dois mapa seguintes e saiu vitoriosa da partida. Agora, o esquadrão enfrentará a paiN Gaming na semifinal, mas Faith afirmou “independente do nosso adversário, vamos estar prontos“. O treinador elogiou todos os semifinalistas, mas apresentou confiança no trabalho que está sendo feito.

Estamos muito confortáveis, sabemos que temos potencial para ganhar esse Masters, mas não podemos bobear porque todos os times são muito completos. Eu acho que temos reais chances de ganhar essa competição.”

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo do VALORANT? Então, siga o VALORANT Zone nas redes sociais: TwitterFacebook e Instagram.

Um dos pontos positivos da VKS nessa primeira parte da temporada é o forte map pool. O time possui altas porcentagens de vitória em três dos cinco mapas. Faith concordou que isso pode ser um trunfo para o time nessa etapa final do VMB.

Acho que vamos ter um sucesso muito bom nessa parte pelo fato de ter muitos mapas que estamos bem. A gente pode banir um mapa em que o adversário é forte, não porque temos dificuldade, então tiramos o conforto deles e isso agrega em nós.”

OUTROS TÓPICOS DA ENTREVISTA

  • JOGO ANTERIOR CONTRA A SQUAD5

Quando descobrimos o nosso oponente, a gente sabia que, independente dos picks, composições e etc, eles têm as mesmas “manias”. Pelo fato da gente já ter jogado contra a S5, foi bom. Sabíamos algumas tendências, mas eles mudaram bastante coisa.

  • SAADHAK DE BREACH

Se eu não me engano, faz umas duas semanas que a gente estava com esse Breach, mas não na mão dele (Saadhak), estava com o gtn. Conversamos no meio da semana, vimos que não estava tendo resultado positivo e acabamos mudando de mão, porque o breach estava sendo um boneco muito importante para nosso time

Decidimos colocar na conta do Saad, porque ele entrava muito bem, o tempo de bang, ultimate e stun. Ele jogou muito bem, mas de novo eu vou dar o mérito para a Sharks, que fez um anti tático muito bom e não conseguimos lidar.

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club
Anúncio

Veja mais

Anúncio

Mais em Especial