Siga-nos

Noticias

Analista da Sentinels pede ajustes para ACS e apresenta nova alternativa

Alternativa para o ACS busca analisar desempenho dos jogadores com base em seu leque de agentes

Uma das grandes formas de comparar o desempenho dos jogadores ao longo dos últimos anos do VALORANT é a média de pontuação de combate (ACS). Buscando se afastar do ACS, atual analista da Sentinels, Matt “Weltis” Liu, apresentou à sua comunidade o AAAR, uma alternativa para a estatística que busca cobrir as falhas trazidas por ela.

Comparar jogadores usando o ACS tem suas falhas, já que cada jogador joga com uma mistura única de agentes. Esta estatística tenta explicar essa diferença“, observa o analista de dados em seu twitter.

A classificação do ACS ajustada por agente, ou AAAR, analisa o desempenho de cada jogador do campeonato com base no desempenho do jogador médio com aquele mesmo leque de agentes. Juntando o ACS médio de cada agente, o conceito busca comparar de forma mais justa os jogadores, que podem ter números menores de ACS por conta de sua função.

O jogador A joga 50% de Jett e 50% de Raze, tendo um ACS de 230. O jogador B joga 80% de Breach e 20% de Chamber, tendo um ACS de 200. Como devemos comparar os dois? O +30 de ACS do A é bom o suficiente, apesar de jogar apenas de duelista?“, escreveu.

Digamos que hipoteticamente o Breach médio tem 180 ACS e Chamber tem 220. Portanto, um jogador que estava na média mas jogou a mesma mistura de 80% de Breach e 20% de Chamber que o jogador B, teria (.8)180+ (.2)220 = 188 ACS. O AAAR para o jogador B então é 200-188 = +12“, analisa.

Da mesma forma, o analista observa como seria feito o cálculo da mesma forma com o jogador A. “Neste caso, se a Jett média tem um ACS de 230 e a Raze de 240, o jogador A médio teria um ACS de 235. Portanto, o jogador A, com um ACS de 230, teria um AAAR de -5. Em outras palavras, ele tem 5 de ACS a menos do que poderíamos esperar para um jogador médio que jogou a mesma mistura de agentes (50% de Jett e 50% de Raze)”, explica.

Isso significa que, de acordo com o cálculo do AAAR, o jogador B possui 12 pontos a mais de ACS do que um jogador que possui a mesma quantidade de jogos com os agentes Breach e Chamber. Dessa forma, no plano geral, o jogador B causa mais impacto do que o jogador A.

Como funciona o cálculo dos jogadores médios?

Para fazer o calculo dos jogadores “médios” com cada agente, Weltis analisou o ACS médio de cada agente levando em consideração todos os campeonatos internacionais de VALORANT até então. Segundo ele, para alguns jogadores como yay – que escolhem majoritariamente um agente -, o cálculo é mais simples.

Para outros, que possuem um leque maior, a conta acaba se tornando um pouco mais complicada.

Os resultados são em grande parte adequados, mas alguns nomes podem ser mais baixos do que você pensa. Yay e Derke, que jogam mais de Chamber, não tiveram um desempenho muito melhor do que o Chamber médio. Enquanto isso, Marved e mindfreak têm os AAARs mais altos, com ~50 ACS acima da média dos controladores“, comenta.

Confira o ACS médio de cada agente para o ranqueamento por AAAR:

O atual analista ainda ressalta que o valor do AAAR só vai até o valor do ACS, uma vez que é uma versão do próprio. Dessa forma, aqueles que utilizam o ACS como principal forma de análise, pode comparar os jogadores de forma mais consistente.

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo do VALORANT? Então, siga o VALORANT Zone nas redes sociais: Twitter, Facebook e Instagram.

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club

Veja mais