Siga-nos

Noticias

VALORANT não terá comércio de skins, garante Rioter

Líder de receitas do jogo falou sobre os planos da Riot sobre as skins do FPS

Apesar de bastante pedido pelos jogadores, o comércio de skins não estará presente em VALORANT. Foi o que revelou o líder de receitas do FPS da Riot Games, Joe Lee, em entrevista concedida à Forbes.

Acho que o comércio de skins funciona em outro jogos quando o único metódo de adquirir conteúdo é por meio de caixas. O rate dos drops e o loot podem ser ajustados pelo desenvolvedor, o que afeta a oferta e a demanda do produto. Para nós, apoiamos principalmente um modelo de loja de compras. Ou seja, se você vê algo que deseja, queremos que considere e com o produto“, explicou.

A possibilidade de VALORANT ter um comércio de skins começou a ser discutida logo após a desenvolvedora revelar que o FPS teria esse tipo de cosmético, atualmente voltado para as armas.

De acordo com Joe Lee, “as skins no VALORANT são projetadas para ter um significado aos jogadores, para que eles a obtenham e possam dizer ‘eu estive lá’ quando estiver utilizando uma skin exclusiva de um passe de batalha ou quando conseguirem uma skin que está na loja por tempo limitado“.

Para o Rioter, “ter um mercado secundário aumenta a complexidade em relação ao significado das skins dentro do jogo“.

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club

Veja mais

Anúncio