Siga-nos

Noticias

Team Vikings bate Sharks e fatura título do Challengers Finals brasileiro

Team Vikings conseguiu virada para cima da Sharks e garantiu a vitória do duelo e o título do Challengers Finals do Brasil.

Rodrico Coca/Vikings

Team Vikings bate Sharks e fatura título do Challengers Finals brasileiro

A Team Vikings conquistou, neste domingo (9), o título de campeão do VALORANT Challengers Finals do Brasil contra a Sharks de virada. Com o título, a equipe levou R$ 60 mil em premiação, enquanto o segundo colocado levou R$ 40 mil. O duelo colocou fim ao torneio que definiu os representantes brasileiros no Masters Reykjavík.

Tanto Team Vikings quanto Sharks estarão representando o Brasil na competição presencial, sediada na Finlândia entre os dias 24 a 30 de maio. Agora, elas se juntam a outros times como Sentinels, Version1, Team Liquid, Fnatic, NUTURN Gaming, Crazy Raccoon e X10 Esports. Agora, resta apenas a vaga LATAM ser preenchida.

COMO FOI A SÉRIE

Sharks (1) 13 x 10 (0) Team Vikings – Ascent

A Ascent deu o tom do que seria o duelo entre Team Vikings e Sharks na grande final do VALORANT Challengers Finals. Em um mapa extremamente equilibrado, a VKS conseguiu levar a melhor na primeira metade por uma pequena vantagem de dois pontos.

No lado defensivo, onde os times conseguem garantir boa parte da pontuação, a equipe não conseguiu garantir o ponto, vendo a Sharks fechar por 13 a 10 após fazer um lado atacante excelente. Isso depois de ter perdido os dois primeiros pontos, conseguiu fazer pontos em sequência para terminar a fatura.

Sharks (1) 2 x 13 (1) Team Vikings – Haven

A recuperação da Team Vikings no duelo veio na Haven, mapa de escolha da Sharks. Jogando “fora de casa”, o time conseguiu mostrar uma atuação de gala no lado ofensivo do mapa, onde chegou a fazer 10 a 1 no placar e deixou o time adversário inoperante no lado defensivo, tendo uma missão difícil para garantir o duelo.

Na virada de lado, a Sharks sequer tentou mostrar que tinha poder de reação, não conseguindo pontuar nenhuma vez no lado ofensivo da Haven, tido como o de maior vantagem. Depois de três pontos consecutivos defendendo os spike sites, a VKS garantiu o décimo terceiro ponto e o empate na série decisiva.

Sharks (1) 11 x 13 (2) Team Vikings – Bind

Em um dos mapas mais equilibrados da série, a Team Vikings conseguiu garantir a virada na Bind. Depois de observar um bom começo da Sharks, fazendo três a zero no placar, a VKS conseguiu fazer seis em sequência para virar a partida para 6 a 3 e mostrar que viria forte. Com boas entradas nos spike sites, superou a defesa dos Tubarões e virou 7 a 5.

No lado defensivo, viu um excelente começo de Bind na segunda metade da Sharks, que chegou a virar a partida. Entretanto, na reta final a VKS conseguiu encaixar uma excelente sequência e pontuou quatro vezes consecutivas para vencer por 13 a 11 e garantir 2 a 1 na série.

Sharks (1) 9 x 13 (3) Team Vikings – Icebox

Iniciando a Icebox atacando os spike sites, a Vikings conseguiu se manter na frente do placar durante todo o primeiro tempo do confronto. Entretanto, a Sharks mostrava que tinha fôlego para conseguir levar a melhor no duelo e chegou a empatar a partida. Na reta final da primeira metade, a VKS garantiu a vitória parcial por 8 a 4.

A Sharks chegou a fazer três pontos em sequência no início do segundo tempo e colocou a corda no pescoço da Team Vikings, que agora tinha a missão de defender os spike sites. No entanto, a VKS conseguiu acordar a tempo para o confronto, garantindo o pontos essenciais para voltar ao jogo e conquistar o título

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club
Anúncio

Veja mais

Anúncio

Mais em Noticias