Siga-nos

Noticias

sacy é eleito o MVP da fase final do VCB 2

Veja quais foram os destaques da competição e os números deles

Arte por VALORANT Zone com foto de Rodrigo Coca / Vikings

sacy é eleito o MVP da fase final do VCB 2

A fase final da segunda etapa do VALORANT Challengers Brasil (VCB Finals) chegou ao fim neste domingo com Team Vikings batendo a Sharks por 2 a 1 de virada e, com isso, ficando com o título, o terceiro da equipe na temporada já que também venceu o Ultimasters AOC e o VALORANT Masters Brasil.

Quinto melhor jogador no Brasil em 2020 by VALORANT Zone, Gustavo “Sacy” Rossi continua detonando nessa temporada, ou melhor, sovando. Além do bicampeonato brasileiro, o jogador da Vikings tem um motivo extra para comemorar, o fato de ter sido eleito pelo VALORANT Zone como o Jogador Mais Valioso (MVP) do campeonato pelo impacto que causou durante toda a competição, brilhado na grande final e ter acumulado alguns dos maiores números gerais.

sacy terminou o VCB Finals sendo o Top 2 da maioria das estatísticas: pontuação média de combate (ACS) com 244.9, KD com 1.55 e média de dano por round (ADR) no valor de 152.6, fora o Top 3 em média de abates por round (KPR) com 0.85 e a melhor média de assistência por round (APR) em 0.43.

Ao todo, o Sova da Vikings eliminou 169 adversários, morreu 109 vezes e conseguiu 86 assistências, fora os 27 First Bloods.

Por ter sido eleito o MVP pelo VALORANT Zone, sacy receberá uma medalha especial. Além do jogador mais valioso da competição, o VZone elegeu seis EVps, que são jogadores que também se destacaram de forma exepcional e estavam na briga pelo MVP.

EVP – Leonardo “mwzera” Serrati

MVP do VALORANT Masters Brasil pelo VALORANT Zone, mwzera também conseguiu números surreais no VCB Finals apesar da Gamelanders ter deixado a competição na segunda rodada da repescagem. Prova disso é o fato do Duelista ser dono dos maiores ACS, ADR, KPR, média de First Blood por round e recorde de abates em um único mapa.

A pontuação média de combate de mwzera foi 320.7 – a única cima do 300, o KD foi de 1.32, a média de dano por round conseguiu 195.2 e na média de abate por round 1.10 – a única acima de 1.00. Já a média de FB por round foi de 0.28. Na Ascent perdida para a Sharks pelas semifinais, o atleta deitou 32 adversários.

EVP – Gabriel “gaabxx” Carli

gaabx é um dos integrantes da Sharks que mais evoluíram nos últimos meses e é um dos responsáveis pela memorável campanha da equipe nesta competição, não só pelas boas apresentações e ótimos números conquistados. O atleta deu tudo de si para o time ao jogar com agentes de classes e funções totalmente diferentes: Jett, Raze, Viper e Sage.

A pontuação média de combate do jogador foi de 224.8 e, com 243 eliminações, 223 mortes e 56 assistências, conseguiu um KD de 1.09. A média de dano por round ficou em 142.9, enquanto a de abate por round foi de 0.80. Além disso, conseguiu 0.18 de média de FB por round e total de 55.

EVP – Leandro “frz” Gomes

frz foi a alma da Vikings em boa parte da competição, com precisas entradas nos spike sites de Jett e Phoenix, jogando de forma inteligente em momentos de clutch e um excelente suporte sempre quando realizava trade de kills em momentos nos quais os companheiros morriam.

O Viking terminou a competição com 223.5 de ACS, 1.57 de KD, o maior do torneio, após 166 eliminações, 106 mortes e 45 assistências, 137.8 de média de dano por round e 0.84 de média de abate por round.

EVP – Wallacy “prozin” Sales

prozin não deu paz aos adversários no VCB Finals sendo mortal com os três duelistas que utilizou no torneio: Raze, Phoenix e Reyna. Ao lado de gaabx, foi cirúrgico em vários rounds decisivos para a Sharks durante as partidas, fora os determinantes 41 First Bloods que conquistou em todo o torneio.

O ACS acumulado pelo atleta é de 227.2. Por conta das 219 eliminações, 242 mortes e 95 assistências, ficou com um KD de 0.9. As médias de dano e abates por round foram, respectivamente, 145.5 e 0.72.

EVP – Olavo “heat” Marcelo

heat vem se destacando pela Havan Liberty desde que ingressou na equipe e o VCB Finals foi mais um dele, o qual terminou com 169 eliminações no total, 109 mortes e 86 abates. Com isso, o KD do jogador foi de 1.14.

Já a pontuação média de combate de heat ficou em 237.1, o que deu a ele o Top 3 nessa estatística. O jogador também conseguiu uma boa média de dano por round, 143.3, e a quarta maior média de abate por round, com 0.84, fora a segunda melhor média de First Blood por round: 0.18 e total de 32.

O atleta ficou ainda no Top 8 recorde de abates em um único jogo: 28 na Icebox contra SLICK pela rodada de abertura da repescagem.

EVP – Khalil “Khalil” Schmidt

Sendo impactante não só com as habilidades de Astra e Omen, mas também na mira ao ser decisivo em rounds importantes, Khalil foi o nome da FURIA ao terminar o VCB Finals com o quarto maior ACS do torneio: 231.8.

O jogador acumulou 173 abates, morreu 142 vezes e conseguiu 44 assistências, ficando assim com KD de 1.24. A média de dano por round foi de 144, enquanto a de abates ficou em 0.86. Khalil ficou no Top 3 de recordes em abates em único mapa: 27 na Bind contra a paiN Gaming na primeira rodada do torneio.

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club
Anúncio

Veja mais

Anúncio

Mais em Noticias