Siga-nos

Especial

Pré-jogo: Meta Gaming e Fake do Fake decidem Metrópole Rivals Women’s Cup

Todos os detalhes das duas finalistas

Arte por VALORANT Zone

Pré-jogo: Meta Gaming e Fake do Fake decidem Metrópole Rivals Women’s Cup

Será finalizado neste domingo (18) o Metrópole Rivals Women’s Cup, com Meta Gaming e Fake do Fake sendo as equipes que vão brigar não só pelo título, como também o prêmio de R$ 1 mil.

VALORANT Zone preparou um especial com as principais informações sobre as duas finalistas para que todos possam assistir a grande final, marcada para às 19h, sabendo de tudo sobre o time.

AS EQUIPES

Meta Gaming é a equipe sensação do cenário feminino atualmente, sendo esta equipe sendo um misto de jogadores do Brasil e do Chile. A escalação foi finalizada há duas semanas com a adição das brasileiras Nathalia ”nanah” Hammoud, Paola ”drn” Caroline e Ana ”naxy” Beatriz.

Naxy e drn são dois nomes conhecidos no cenário brasileiro por terem competido no Point Blank, enquanto nanah é ex-jogadora de Counter-Strike. Em relação a dupla chilena, Analia ”analiaroperom” Ropero competiu no PUBG e Paula “bvstrdd” fez nome jogando no jogo da Valve.

Essa é a primeira decisão da equipe, em si, mas nanah, naxy e drn foram campeãs do Ascent Women’s Cup. Naxy e drn também venceram o Rivals Women’s Cup.

drn comemorando o título da Tarantula League | Foto: MAX5

O Counter-Strike é a modalidade na qual todas as integrantes da Fake do Fake ganharam notoriedade nos esports. Natalia “nat1” Meneses, com passagem por PRG e Team oNe, e Isabele “isa1” Glym, que tem em no histórico a participação de uma Liga Feminina realizada pela Gamers Club.

Yasmin “hannabacon” Goetten atualmente faz parte da equipe de influenciadores da INTZ. Também fazem parte do time Luisa “BEAR” Mendonça e Mirella “mizi” Gomes. Integrante da Black Dragons no FPS da Valve, Ana “anabala” Gabriela também jogou pela Fake do Fake.

Essa é a primeira decisão do quinteto, mas não para nat1, mizi e hanna. O trio, pela equipe Canil do Subsolo, disputou o título o título da Girl Power, torneio voltado para o cenário sul-americano. Coincidentemente, o jogo foi contra o time de bvstrdd, mas com derrota.

nat1 na época de Team oNe | Foto: Team oNe

CAMPANHAS

As finalistas do Metrópole Rivals Women’s Cup possuem campanhas um pouco diferentes. Isso porque a Meta ainda não cedeu um mapa sequer, enquanto Fake do Fake passou um pouco de aperto nas quartas e semifinais.

META GAMINGFAKE DO FAKE
14:12 vs Ace Picks – Ascent13:01 vs Krone – Ascent
13:06 vs Number Six – Bind13:08 vs Foxes – Bind
13:03 vs Heroes Honors – Bind13:04 vs Edelweiss – Haven
13:07 vs Heroes Honors – Haven07:13 vs Edelweiss – Bind
13:02 vs Tristeza – Haven13:00 vs Edelweiss – Ascent
13:01 vs Tristeza – Bind10:13 vs Number Six – Ascent
13:02 vs Number Six – Haven
13:07 vs Number Six – Bind

NÚMEROS

Drn é o principal destaque da Meta Gaming no Metrópole Rivals Women’s Cup. A jogadora é a única do time que conseguiu uma média de pontuação de combate acima dos 300: foi 1855 no total em seis mapas e média de 309.

A equipe também se destaca no quesito abates conquistados e KD, mas não sozinha. Junto com nanah, a jogadora passou da casa dos 110 abates e ultrapassou e ficou próximo do KD de 2.

Paola também foi a jogadora que mais obteve primeiros abates nas partidas, com total de 25. Veja os números, abaixo

METACOMBATEKDABATEMORTEASSISTÊNCIA
NANAH296,31,941135838
BSTRD2241,71897630
NAXY221,61,3917033
DRN309,11,881176238
QUEENDASILVA150,61,16615336

Nat1 e Isa1 possuem os melhores números da Fake do Fake. Natalia conseguiu média de combate no valor de 282,25 – total de 2282 -, enquanto a companheira fez 257,35, com total de 2059.

É de se aplaudir também a quantidade de abates conquistada pelas duas jogadoras: nat1 eliminou 136 adversários, enquanto isa1 137. Os KDs das atletas são, respectivamente, 1,80 e 1,68.

Ainda sobre as exibições feitas pela Fake do Fake, nat1 foi quem mais obteve primeiras eliminações com 31, enquanto mizi foi quem mais plantou a Spike com 26 no total.

METACOMBATEKDABATEMORTEASSISTÊNCIA
NAT1285,251,411369637
HANNA224,51,261098634
ANABALA2001,26241910
MIZI168,51,12918131
ISA1257,351,441379523
BEAR151,161,09626230

Em relação aos mapas, curiosamente nenhuma das finalistas jogou uma partida na Split. Bind foi o cenário na qual Meta mas atuou, em metade dos compromissos no campeonato. Já Fake do Fake tem três partidas em Ascent e outras três na Bind.

Omen, Sova, Cypher, Jett e Breach são os principais agentes da Fake do Fake, que ao todo usou oito agentes no campeonato. Já a Meta utilizou a mesma composição em todos os duelos: Phoenix, Raze, Cypher, Omen e Sova.

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club
Anúncio
Anúncio

Veja mais

Anúncio

Mais em Especial