Siga-nos

Noticias

“Para nos defender não precisamos incitar medo, violência ou punir os outros por estarem errado”, dispara FalleN

Jogador ressaltou que comunidade precisa mudar porque reflete a essência do povo brasileiro

Após as farpas do jogador da Sentinels, Jared “zombs” Gitlin, a lenda do cenário de CS:GO, Gabriel “FalleN” Toledo rebateu a fala do atleta. Contudo, o brasileiro ressaltou através das redes sociais que a comunidade brasileira gamer precisa começar a mudar.

“Pessoal a gente precisa começar uma mudança, principalmente a comunidade brasileira gamer, de ameaçar e tentar fazer a outra pessoa do outro lado se sentir com “medo” para punir algo que foi feito e não gostamos. De maneira alguma isso reflete nossa essência como povo”.

“Como brasileiros, em grande maioria, somos um povo simpático e caloroso. Não precisamos mostrar uma face que nem reflete que somos para nos proteger. Para nos defender não precisamos incitar medo, violência ou punir os outros por estarem errado. Somos melhores que isso”, finalizou.

Entenda o caso

A polêmica começou após os jogadores da Sentinels terem farpado o jogo da Team Vikings contra a Gambit. A equipe vencia de 12 a 5, mas tomou a virada no último mapa e perdeu. Shahzeb “ShahZaM” Khan publicou que a equipe brasileira deveria “ter pedido um pause técnico. Uma ironia sobre o pause do jogo da Sentinels contra a FURIA na quinta-feira (2).

A equipe brasileira estava embalada e se aproximava da Sentinels no placar quando um pause técnico interrompeu o jogo por quase 20 minutos. A parada técnica revoltou os torcedores brasileiros que viram que a interrupção atrapalhou a FURIA de conseguir empatar o jogo. Após a publicação de ShahZaM, o norte-americano recebeu diversas respostas e mensagens no privado com ofensas. Outros jogadores de VALORANT saíram em defesa dos atletas da Sentinels.

A Vivo Keyd e a Acend jogaram novamente parte do terceiro mapa da série, a partida começou com um 7 a 0, a equipe brasileira chegou a empatar o jogo, mas o time europeu venceu por 13 a 10. Após a vitória, os jogadores da Acend comemoraram e dançaram no palco. A torcida brasileira foi as redes sociais rebater a atitude dos jogadores.

Em resposta, Patryk “starxo” Kopczyński da Acend comentou que, “não estamos felizes com a vitória, obviamente, todos nós sabemos como toda a situação foi ruim, não só para os jogadores vk, mas também tivemos muito estresse depois de tudo isso, desejo-lhes boa sorte em seus próximos jogos, porque eles são realmente bons jogadores“. Em seguida, o polonês falou sobre as ofensas que recebeu da comunidade do Brasil.

“Recebi muito ódio e ameaças ao longo de todos os meus anos no jogo, então estou realmente acostumado com isso, mas a maneira como a comunidade brasileira lida com essa situação e decide nos atacar pessoalmente, enquanto literalmente não fizemos nada em tudo isso não é bom para nossa comunidade, faça brincadeiras, não ameaças.”

A Sentinels irá jogar contra o vencedor de FURIA e KRÜ Esports pelo Grupo B. Já a Acend vai enfrentar a Team Envy pelo Grupo A para decidir quem será o primeiro classificado para os playoffs. Já a Vivo Keyd vai jogar pela sobrevivência no mundial contra a 10X CRIT. Para saber mais, acesse “campeonatos“.

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo do VALORANT? Então, siga o VALORANT Zone nas redes sociais: TwitterFacebook e Instagram.

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club
AS MELHORES ODDS
Carregando...
Ocorreu um erro ao carregar as partidas. Por favor, tente novamente.
Nenhuma partida encontrada
18+ Jogue com responsabilidade. Odds sujeitas a alteração

Veja mais

Anúncio