Siga-nos




Noticias

“Ele não estar presente é uma opção nossa e que vamos avaliar agora nos playoffs”, vicenzzo fala sobre ausência de Gatti no VCB

Manager também comentou desempenho do time na série

A TBK Lusa derrotou a ODDIK nesta terça-feira (16) na última rodada do VALORANT Challengers Brasil por 2 a 1. Após a partida, o manager, Vicenzzo “vicenzzo” Mandetta, conversou com o VALORANT Zone falou sobre o desempenho do time na série e da ausência do treinador, Rodrigo “Gatti” Gatti nos dois últimos jogos.

A série foi melhor para a TBK Lusa que venceu por 2 a 1. No primeiro mapa a ODDIK não conseguiu impor o ritmo de jogo e os adversários abriram um placar elástico por 11 a 1, que resultou na vitória, após a troca de lados.

“Acho que mais mérito da TBK que se preparou bem para o mapa de escolha deles. Se for parar para pensar, nós perdemos muitas situações por troca de tiro, nisso, a TBKL conseguiu capitalizar as vantagens e abriu um placar elástico. E aí eles conseguiram fechar o mapa de forma até tranquila”.

Ausência de Gatti na última rodada

Na transmissão da série os casters comentaram que a ODDIK não estava com o coach presente para o confronto. Questionado na entrevista, o manager falou sobre a ausência de Gatti, que está com a equipe desde outubro de 2022.

“Na semana passada a gente ganhou e o Gatti também não estava aqui. Então, se a gente ganhou foi por mérito dos jogadores e se perdemos foi por demérito do time inteiro. Uma coisa não condiciona outra. Quanto ao Gatti não estar presente é uma opção nossa e que vamos avaliar agora nos playoffs que é um campeonato novo. A meta era essa, se classificar para os playoffs”.

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo do VALORANT? Então, siga o VALORANT Zone nas redes sociais: TwitterFacebook e Instagram.

Anúncio

Veja mais