Siga-nos

Noticias

Após polêmica, Onur revela estar aberto à propostas

Treinador está livre de qualquer contrato e poderá assinar com outra equipe

Após ser alvo de críticas ao revelar que não está vacinado e é contra o passaporte sanitário, nesse domingo (2), o então cotado a treinador da LOUD, Rodrigo “onur” Dalmagro informou que está aberto a propostas para ser treinador de VALORANT. O argentino tinha um acordo fechado para comandar o time da organização criada no Free Fire, mas o clube recuou após as manifestações do profissional no Twitter.

“À luz dos fatos, volto a ouvir ofertas. Estou aberto a todas as regiões e posições. Estou disponível para viajar desde que não seja necessário ser vacinado contra Covid. Em 2021, participei em 5 eventos presenciais da VALORANT. Estive duas vezes na Cidade do México, Berlim e Reykjavik. Também posso treinar remotamente.”

O argentino estava embarcando ao Brasil quando revelou que poderia ser deportado por não estar com a carteira de vacinação atualizada. “Ao ponto de ser deportado do Brasil por não possuir calendário de vacinação atualizado. Não triunfa a liberdade”, escreveu Onur. Em seguida, o argentino foi rebatido por diversos torcedores de VALORANT e ícones do cenário brasileiro do FPS e do League of Legends.

Contudo, Onur publicou momentos depois que estaria disposto a perder um emprego para ser consistente com o pensamento. “As vacinas, especialmente em grupos de risco, são necessárias e uma coisa boa. Os passaportes sanitários, não. Estou disposto a perder um trabalho para ser consistente com meu pensamento. Não vou ceder. Não vão me quebrar“.

Durante a madrugada de segunda-feira, Onur se pronunciou nas redes sociais e afirmou que a LOUD, organização que iria defender no VALORANT em 2022, tinha conhecimento de que o mesmo não pretendia se vacinar contra a COVID-19.

“A LOUD tentou me ajudar em todos os momentos, mesmo quando a deportação já era um fato. Depois dos surtos nas redes sociais, por motivos de imagem, decidiram tomar outro rumo que compreendo e respeito. Quando o manager da equipe foi informado sobre as restrições da viagem, eles exigiam apenas um PCR com menos de 72h de validade. Em 20 de dezembro, o Brasil lançou um novo regulamento, que inclui a vacinação obrigatória para estrangeiros não residentes, além do PCR. Eu não sabia, e nem eles”, relatou.

Sem equipe para comandar, o argentino está livre de contrato e poderá receber propostas de outros times de regiões diferentes.

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo do VALORANT? Então, siga o VALORANT Zone nas redes sociais: TwitterFacebook e Instagram.

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club
AS MELHORES ODDS
Carregando...
Ocorreu um erro ao carregar as partidas. Por favor, tente novamente.
Nenhuma partida encontrada
18+ Jogue com responsabilidade. Odds sujeitas a alteração

Veja mais

Anúncio