Siga-nos

Noticias

Omen é o agente mais escolhido no classificatório fechado do First Strike brasileiro

Omen foi o agente mais escolhido durante o First Strike brasileiro. Breach aparece entre os mais escolhidos.

Arte por VALORANT Zone

Omen é o agente mais escolhido no classificatório fechado do First Strike brasileiro

O First Strike é o principal torneio disputado no momento, e o primeiro campeonato com envolvimento direto da Riot Games. Dadas escolhas da publicadora, as estatísticas mostram mudanças no competitivo causadas após o Patch 1.11.

Entre as principais contrastes com o passado do FPS, está a preferência por Omen, que foi escolhido 111 vezes e se tornou o agente mais pickado durante o classificatório fechado do First Strike brasileiro. Agentes que compartilham da ascendência temporal são Jett e Breach.

Além disso, a preferência por mapas da fase fechada contrasta levemente com o que era observado nos primórdios do VALORANT brasileiro. Os mapas mais escolhidos foram Split e Ascent, com 20 e 19 escolhas respectivamente.

Foto: Divulgação/Riot Games

Já os demais mapas juntos acumulam 20 escolhas, com 13 partidas jogadas em Haven e sete em Bind. Mapa alocado no Marrocos, Bind costumava ser o preferido para os duelos, mas agora ocupa a última posição dentre os mais jogados.

PICKRATE E CONTRASTES

A chegada de buffs no Breach e alterações em Killjoy e Cypher mostram quão mutável é o meta. Killjoy, a sentinela que mais cresceu em taxa de escolha, mostra agora uma queda. A alemã teve apenas 23 aparições, cerca de 24% de escolha, enquanto Cypher participou de 80% das partidas.

Já Breach, iniciador completamente esquecido até os mais recentes ajustes no Estopim, se sobressai com 42 escolhas contrárias à taxa anterior que beirava 0%. Apesar disso, Sova mantém o posto de iniciador mais escolhido. Ao total, o russo conta com aparições em 61% dos duelos.

OS INALTERADOS

Em contrapartida das transformações bruscas, Jett e Omen mostram-se consistentes e quase inalterados pela publicadora.

A crescente do controlador mostra-se pelo crescimento gradual de escolha. Apesar de não sofrer alterações significativas, ajustes no ambiente foram suficientes para destacá-lo dentre os agentes. A taxa parte de 34% no G2 Invitational em junho, e atinge atualmente 94% no closed do First Strike brasileiro, ao aparecer 111 vezes em 59 partidas.

Mesmo após tentativas de freá-la direta e indiretamente, a duelista continua dando as caras. De nerfs nas armas otimizadas quando combinadas à agente a nerfs na Tormenta de Aço, a coreana ainda mostra-se forte o suficiente para aparecer em 71% das partidas. A assassina dos ventos apareceu 84 vezes dentre todos os mapas jogados da fase fechada.

AGENTESAPARIÇÕES
Omen111
Cypher94
Raze87
Jett84
Sova72
Breach42
Reyna40
Killjoy23
Sage19
Brimstone7
Phoenix5
Viper0

Gamers Club
Parceira OFICIAL da RIOT GAMES no Brasil e tem como objetivo fomentar o cenário competitivo de VALORANT, com campeonatos e guias para você ter a melhor experiência.
Conheça a Gamers Club
Anúncio
Anúncio

Veja mais

Anúncio

Mais em Noticias